Logotipo da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro Logotipo do Facebook Logotipo do Twitter Logotipo do Instagram Logotipo do YouTube

Institucional

Sepol dá início a ciclo de palestras em hospitais sobre Serviço de Verificação de Óbito

Fotos: Divulgação

ASCOM - Assessoria de Comunicação
11/07/2019 11h09 - Atualizado em 11/07/2019 11h09

A secretaria de Estado de Polícia Civil (Sepol) deu início nesta quarta-feira (10/07) ao ciclo de palestras realizado em unidades hospitalares para orientar médicos das redes municipal e estadual de saúde quanto ao sistema de verificação de óbito. A iniciativa criada pela delegada Andréa Menezes visa esclarecer aos médicos quando ele devem enviar um corpo ao Instituto Médico Legal (IML) para que seja atestada a morte em casos que não há evidências de violência.

A ação tem como objetivo diminuir o fluxo de corpos que dão entrada nos IMLs de pessoas que não morreram de causas violenta, o que sobrecarrega os institutos. O ciclo de palestras teve início no Hospital Miguel Couto, no Leblon, Zona Sul do Rio.

O grupo de trabalho é formado pela delegada Andréa Menezes, pela perita legista e diretora do IML sede Gabriela Graça, pelo perito legista do Ministério Público Estadual Luiz Carlos Leal Prestes, pelo membro da Câmara Técnica Medicina Legal do Cremerj, André Medeiros, e pela perita legista Luciana Loreato.