Logotipo da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro Logotipo do Facebook Logotipo do Twitter Logotipo do Instagram Logotipo do YouTube

PCERJ em Ação

Policiais da Delegacia de São Cristóvão prendem produtor de eventos acusado de feminicídio

Fotos: Divulgação

ASCOM - Assessoria de Comunicação
10/06/2018 15h49 - Atualizado em 10/06/2018 17h16

Agentes da 17ª DP (São Cristóvão) prenderam, na sexta-feira (08/06), Rodrigo Bessa Paixão, conhecido como “Digão”, de 37 anos. Ele é acusado de ter cometido o feminicídio da ex-namorada, Natasha Conceição Fonseca da Silva, de 24 anos, ocorrido no último dia 27/02, na Taquara, em Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio.

De acordo com o titular da 17ª DP, delegado Marcus Neves, Rodrigo é produtor de eventos e foi capturado em um sobrado, na Rua Antonio Raposo, em Bento Ribeiro, na Zona Norte.

O casal teve um relacionamento durante três anos, mas o ex-namorado não se conformava com a separação e vivia agredindo e ameaçando a jovem. No carnaval deste ano, Natasha registrou ameaça e furto na Deam-JPA, tendo sido inclusive concedidas medidas protetivas.

Dias depois, ainda segundo a Polícia, Rodrigo voltou a furtar e a ameaçar a ex-namorada com um pedaço de madeira, fato que gerou outro Registro de Ocorrência e novas medidas protetivas.

Apesar de ter sido intimado e ouvido na Deam, no fim daquele mês, Rodrigo invadiu a casa de Natasha e a matou com disparos de arma de fogo, fugindo em seguida. Contra Rodrigo constavam quatro mandados de prisão preventiva. Ele se encontra à disposição da Justiça.