Logotipo da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro Logotipo do Facebook Logotipo do Twitter Logotipo do Instagram Logotipo do YouTube

PCERJ em Ação

Acusado de estelionato é preso em clube por agentes da Delegacia da Barra da Tijuca

Fotos: Divulgação

ASCOM - Assessoria de Comunicação
19/06/2018 14h24 - Atualizado em 19/06/2018 14h24

Agentes da 16ª DP (Barra da Tijuca) prenderam, nesta segunda-feira (18/06), na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, Laércio Isidoro do Nascimento Júnior, conhecido como “Boyzão” ou “Pai”, acusado do crime de estelionato.

De acordo com os policiais, Laércio Estelionatário era reconhecido na Barra como chefe de uma quadrilha de "cartãozeiros", inclusive, com várias anotações criminais no Estado de São Paulo e investigado em inquérito naquela distrital.

Ainda segundo a Polícia, Laércio foi preso no Golf Club, quando assistia a uma partida da seleção brasileira de futebol. Ele tentou sair dirigindo um veículo de alto luxo, um Porsche Cayenne e exibia diversas joias. Na delegacia, constatou-se falta de coordenação motora, fala desconexa e exalava odor de quem ingeriu bebida alcoólica.

Laércio foi enviado ao IML para a realização do exame de alcoolemia e foi constatado o estado de embriaguez. O veículo Porsche, cuja propriedade não foi comprovada, acabou apreendido, bem como as joias que ele ostentava.