Logotipo da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro Logotipo do Facebook Logotipo do Twitter Logotipo do Instagram Logotipo do YouTube

PCERJ em Ação

Delegacia de Homicídios da Baixada prende homens acusado de homicídio na Rodovia Presidente Dutra

Fotos: Divulgação

ASCOM - Assessoria de Comunicação
22/01/2020 09h52 - Atualizado em 22/01/2020 9h52

Policiais da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) após diligências prenderam nesta terça-feira (21/01) dois homens acusados de homicídio qualificado. Eles, com mais dois outros homens, são suspeitos de praticarem homicídio contra Alexandre Araújo de Brito, na Rodovia Presidente Dutra, em 18 de outubro de 2019. A vítima passava com seu carro na rodovia quando foi executada com mais de 30 disparos de arma de fogo. De acordo com as investigações os autores do crime seriam integrantes de um grupo criminoso que disputava a expansão de suas atividades de segurança no bairro Cerâmica, em Nova Iguaçu.


Durante as diligências realizadas pela delegacia especializada foram ainda localizados pontos utilizados pelo grupo criminoso para clonar, desmontar e cortar veículos roubados, furtados ou obtidos através do famoso "tombo de seguro". Nesses locais foram encontrados aproximadamente cem carros, carcaças, placas e peças diversas de veículos produto de crime. Em um dos sítios no Município de Nova Iguaçu, utilizado pelo grupo, além de carcaças foi encontrada uma ossada de uma vítima tida como desaparecida. Em outro sítio, em Nova Iguaçu, foi apreendida uma arma de fogo e localizados 2 veículos roubados que seriam cortados e desmontados.

Segundo as investigações ainda existem indícios de que os suspeitos pretendiam criar e expandir uma milícia no local, pois já haviam assumido a segurança de um conjunto habitacional estilo "minha casa, minha vida", através de uma empresa constituída em seus próprios nomes, a fim de dar aspecto de legalidade ao serviço.