Logotipo da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro Logotipo do Governo do Estado do Rio de Janeiro Logotipo do Facebook Logotipo do Twitter Logotipo do Instagram Logotipo do YouTube Logotipo do WhatsApp Logotipo do Telegram

PCERJ em Ação

Polícia Civil prende criminosos que extorquiam e roubavam moradores de Magé

Fotos: Divulgação

ASCOM - Assessoria de Comunicação
02/12/2022 13h15 - Atualizado em 02/12/2022 13h15

Policiais civis da 66ª DP (Piabetá) deflagraram, nesta quinta-feira (01/12), a "Operação Residente" e cumpriram quatro mandados de prisão e de busca e apreensão contra criminosos que roubavam e extorquiam moradores de Piabetá, em Magé, na Baixada Fluminense.  

As investigações começaram em maio deste ano. Os bandidos foram até a residência de uma vítima, alegaram que procuravam uma pessoa que morava no imóvel e possuía uma dívida com eles. O proprietário da casa disse não conhecer o ex-morador e os investigados forçaram a entrada no local.

Após invadirem o imóvel, os bandidos, armados, agrediram a vítima, reviraram os cômodos da casa, encontraram um revólver, uma garrucha e levaram mais de R$ 2 mil, cartões bancários, televisão e telefone celular. Os criminosos pediram R$ 10 mil para não conduzir o morador até a delegacia e para não denunciá-lo pela posse das armas de fogo. Eles também exigiram o pagamento mensal de R$ 1 mil. O caso foi registrado, os autores foram identificados e presos. 

Durante a operação e buscas em uma farmácia e na casa de um dos acusados, os agentes encontraram, ainda, diversos receituários de medicação controlada e falsificada. Segundo as investigações, os integrantes da quadrilha possuem passagens por extorsão, homicídio, roubo, estelionatos e furtos. 

As investigações continuam para identificar e prender outros suspeitos de participação nos crimes.